literatura,

Resenha / Livro / Caixa de Pássaros: Não Abra os Olhos

quinta-feira, março 03, 2016 Digaí, Leitores! 12 Comments

Título: Caixa de Pássaros: Não Abra os Olhos
Autor: Josh Malerman
Ano: 2015
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 272

S I N O P S E
Romance de estreia de Josh Malerman, Caixa de pássaros é um thriller psicológico tenso e aterrorizante, que explora a essência do medo. Uma história que vai deixar o leitor completamente sem fôlego mesmo depois de terminar de ler. Basta uma olhadela para desencadear um impulso violento e incontrolável que acabará em suicídio. Ninguém é imune e ninguém sabe o que provoca essa reação nas pessoas. Cinco anos depois do surto ter começado, restaram poucos sobreviventes, entre eles Malorie e dois filhos pequenos. Ela sonha em fugir para um local onde a família possa ficar em segurança, mas a viagem que tem pela frente é assustadora: uma decisão errada e eles morrerão.

P R I M E I R O   C O N T A T O
É provável que essa não seja a primeira vez que vocês veem uma resenha sobre esse livro. Isso se explica pelo fato do livro está fazendo bastante sucesso entre o público, o que é algo compreensível, eu garanto. Ao contrário de filmes, li poucos livros do gênero terror, não é exatamente o tipo de livro que me chama atenção de primeira, até porque não conheço muitos do gênero, mas sempre que há uma oportunidade eu dou uma chance e leio. Foi assim que conheci Caixa de Pássaros, e é sobre essa ótima leitura que eu quero compartilhar com vocês. Tentarei tomar o maior cuidado para não revelar spoilers da história, mas confesso que vai ser difícil, já que a trama é cheia de detalhes essenciais.

R E S U M O
Malorie é uma jovem que se vê numa situação mais comum do que ela pensa: é solteira e está grávida. O verdadeiro incomum nessa história são os acontecimentos que os jornais vem anunciando em vários lugares no mundo, mas que de início não interessa a Malorie, que se vê submersa no conflito de ter que lidar com aquela gravidez inesperada, além do fato de ter que contar para os pais e para o pai do seu futuro bebê. A jovem mora com Sharon, sua irmã, que ao contrário de Malorie se mostra desde o início preocupada com as coisas estranhas e recentes que vem rolando pelo mundo. Ninguém sabe ao certo o que é, começa com apenas mais um caso de loucura e suicídio. Mas logo os casos ganham maiores proporções, tornando-se mais frequentes, graves e assustadores; até que chegam muito perto da cidade em que a nossa personagem central mora com a irmã, e é assim as coisas rapidamente começam a mudar. As pessoas sentem medo, se escondem em suas casas, a loucura parece ter se tornado uma maldita pandemia, algo incontrolável, algo que ninguém sabe como surgiu e muito menos como resolver.

Aos poucos mais alguns detalhes são mostrados no que se refere aos surtos seguidos de assassinato e suicídio que atinge freneticamente a população mundial, tendo como um ponto em comum entre todas as mortes o fato de que todas as vítimas chegaram a ver "alguma coisa" antes de surtarem e cometerem suicídio das piores maneiras possíveis. O livro te faz se perguntar o tempo todo o que seria aquilo, qual a justificativa? O que há com a humanidade? É a partir disso que o mistério desliza entre as páginas e você se encontra totalmente envolvido na história que Josh nos traz. É algo no céu? Algo invisível? Monstros? Alienígenas? Demônios? Ninguém sabe, tampouco Malorie, que logo começa a sentir o medo dominando sua vida, a cidade, o país e todo o mundo. Tudo é destruído. Fecham-se as portas, fecham-se as janelas e também os olhos. 

Eles estão presos em caixas. Como pássaros.


O P I N I Ã O
Uma das coisas interessantes no livro é que ele se passa entre o presente – com Malorie tentando fugir e sobreviver já com seus dois filhos de 4 anos num mundo pós-apocalíptico – e acontecimentos do passado, desde o início de todo o fim, passando pelo longo momento em que Malorie encontra um abrigo e alguns sobreviventes (como Tom, Cheryl, Jules, Félix e Don) e que também tem que lidar com a sua gravidez que vai vingando com o passar dos meses.

Josh Malerman trouxe nessa obra o melhor dos suspenses. É um livro sobre medo, então é isso que ele te causa a medida em que narra a história. Ele faz, entre palavras que formam cenas definitivamente assustadoras, uma experiência única ao ler cada página desse livro. Eu me senti angustiada, tensa e ansiosa em muitas passagens. Mas isso de uma maneira bastante positiva, já que é exatamente isso o que livro quer proporcionar com essa história sombria que se torna uma verdadeira viagem ao mundo perigoso de Malorie. O livro agrada por diversas maneiras; a narrativa simples e que flui facilmente; os personagens bem trabalhados; o modo como ele traz os efeitos do medo o ser humano, etc. Além disso, o final pode causar diversas opiniões apostas, e no meu caso eu acredito que mereça uma continuação, justamente por ter sido bom e por eu ter imaginado um leque de possibilidades futuras.

Para finalizar, só quero dizer mais uma coisa: quem não gosta do gênero terror psicológico, Caixa de Pássaros é o livro certo para rever isso. Sério. Seu poder sensorial não é algo que vai te fazer fechar o livro e não ler nunca mais, é justamente o contrário, você só vai querer ler mais e mais. E mais também.



Q U O T E S
"Como pode esperar que seus filhos sonhem em chegar às estrelas se não podem erguer a cabeça e olhar para elas?"

"Ela imagina a casa como se fosse uma grande caixa. Quer sair daquela caixa. O planeta inteiro está trancado nela. O mundo está confinado à mesma caixa de papelão que abriga os pássaros do lado de fora. Malorie entende que Tom está procurando uma maneira de abrir a tampa. Busca uma saída. Mas ela se pergunta se não há outra tampa acima daquela, e depois mais uma.
Encaixotados, pensa. Para sempre."

Já segue a gente nas redes sociais? Facebook  / Instagram / Twitter

Você pode gostar também de

12 comentários:

  1. Vi muitas resenhas desse livro e na grande maioria das vezes positivas. Tenho ele aqui em casa, só preciso arrumar espaço para ler ele... A pilha está gigante!
    Adoro livros de terror psicológico, mas como você mesmo disse, assisto mais filmes do que leio livros desse gênero. Mas é mais por não conhecer do que por não gostar.
    Adorei a resenha. Com certeza agora vou por na minha pilha e ver se consigo ler.
    Bjss

    www.umolhardeestrangeiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato, conheço poucos livros do gênero terror, então por isso leio pouco. Mas depois de Caixa de Pássaros comecei a me interessar mais e andei dando uma olhada em alguns para comprar, quem sabe trago em breve mais algumas resenhas sobre. ;)

      Beijos, volte sempre!

      Excluir
  2. Ai que capa mais linda. Só pela capa já dá vontade ler o livro :)
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Linda mesmo! Capas são sempre grandes incentivadoras. :)

      Beijos!

      Excluir
  3. Eu acabei de ler esse livro agr (literalmente) kkkkk ele é muito peculiar e intrigante e gostei mto da leitura... Me frustrei um pouco com o final mas entendo td q aconteceu e acho q o Josh é mto bm e mto corajoso pra escrever um livro em q os personagens estão qse sempre de olhos fechados.... Ele ta de parabens..
    Essa semana sai resenha la no canal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lendo resenhas e comentários sobre, também vi várias queixas em relação ao final, mas no fundo eu acho que gostei, o resto do livro compensa por ser muito bom!

      Vou ficar de olho no seu canal, qualquer coisa avisa aqui, viu?
      Um beijo!

      Excluir
  4. primeira vez que vejo uma resenha del, e muito boa por sinal.
    me interessei, já esta na minha listinha de leitura.
    que livro mais lindo né!

    beijos

    http://entrevereviver.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, aposto que vai gostar do livro também ;)

      Beijos, Carol!

      Excluir
  5. Já havia visto uma resenha desse livro e ela era tão positiva como a sua! Fiquei ainda mais curiosa para ler. Faz tempo não leio algo que envolta tanto suspense assim.
    Ótima resenha!

    beijos
    http://infinitudedepalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que te incentivou, espero que leia sim :)

      Beijos!

      Excluir
  6. Faz um tempo que estou interessada nesse livro,nao li ainda, mas o que me conquistou de inicio foi a capa mesmo, depois, as resenhas... Quase nunca leio livros deste tipo e nao sei o porque desta historia estar me chamando tanta atenção. Acho que é para ser!
    Agora estou mais curiosa ainda!
    www.insaturada.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, corre pra ler então, aposto que vai gostar ;)

      Excluir